Especialidades - Lifting Facial

Lifting Facial


O lifting facial, também chamado de ritidoplastia, é considerado um procedimento estético que pode ser realizado com o objetivo de diminuir as rugas do rosto e pescoço, a flacidez da pele e remover o excesso de gordura do rosto, dando um aspecto mais jovem e bonito. Esse procedimento de rejuvenescimento é mais comum de ser realizado em mulheres a partir dos 45 anos e deve ser feito por um cirurgião plástico habilitado para esse procedimento. O lifting facial deve ser feito sob anestesia geral e é necessário internamento por cerca de 3 dias.

Quando é indicado o lifting facial

O lifting facial é feito com o objetivo de diminuir os sinais de envelhecimento, apesar de não retardar ou parar o processo de envelhecimento. Por isso, o lifting é efetuado quando a pessoa deseja corrigir:

• Rugas profundas, dobras e marcas de expressão;
• Pele flácida e caída sobre os olhos, bochechas ou pescoço;
• Rosto muito fino e acumulo de gordura no pescoço com pele caída;
• Papada e pele frouxa sob a mandíbula;

O lifting facial é uma cirurgia plástica estética que torna o rosto mais jovem, com pele mais esticada e bonita, provocando bem-estar e aumentando a auto-estima. A ritidoplastia corresponde a um processo complexo em que é necessária anestesia geral e é avalado se há necessidade de realização de outros procedimentos.

Como é feita a cirurgia

A cirurgia é realizada no bloco operatório pelo cirurgião, sendo necessário tomar anestesia geral ou sedação. Antes de realizar o lifting facial é necessário fazer uma avaliação geral do estado de saúde e serem realizados: exame de sangue e eletrocardiograma. O médico questiona sobre a presença de doenças, uso de remédios frequentes, uso de cigarro ou alergias que podem comprometer a recuperação.

Além disso, geralmente, o médico recomenda evitar:

• Remédios como AAS, Melhoral, Doril ou Coristina;
• Cigarro pelo menos 1 mês antes da cirurgia;
• Cremes faciais nos 2 dias antes da cirurgia.

Também é fundamental fazer jejum de pelo menos 8 a 10 horas antes da cirurgia ou de acordo com a indicação do médico. Durante o procedimento é preciso também seguir algumas orientações, como por exemplo prender o cabelo em várias mechas pequenas para evitar contaminar a pele e facilitar a realização da cirurgia. Como se trata de um procedimento que demanda cuidado e atenção, o lifting facial pode demorar cerca de 4 horas e pode ser necessário que a pessoa fique internada no hospital ou na clínica por cerca de 3 dias.

Como é a recuperação do lifting de rosto

A recuperação da cirurgia ao rosto é lenta e causa algum desconforto durante a primeira semana. Durante o pós-operatório da cirurgia é necessário:

• Tomar medicamentos para controlar a dor, como Dipirona de 8 em 8 horas, sendo mais intensa nos 2 primeiros dias;
• Dormir de barriga para cima, apoiando a cabeça com 2 travesseiros na região das costas, deixando a cabeceira da cama bem elevada por cerca de 1 semana, para evitar o inchaço;
• Manter a cabeça e pescoço enfaixada, permanecendo durante pelo menos 7 dias e não tirar nem para dormir ou tomar banho nos primeiros 3 dias;
• Realizar drenagem linfática depois de 3 dias da cirurgia, em dias alternados, cerca de 10 sessões;
• Evitar usar cosméticos na primeira semana depois da cirurgia;
• Evitar mexer nas cicatrizes para não causar complicações.

Em alguns casos, o médico recomenda aplicar compressas geladas na face para reduzir o inchaço durante cerca de 2 minutos na primeira semana. Além disso, no caso de ter pontos visíveis no rosto, estes são retirados cerca de 15 dias depois da cirurgia, sendo fundamental não realizar esforços, pintar o cabelo ou exposição solar nos primeiros 30 dias.

Possíveis complicações

O lifting facial normalmente provoca manchas roxas na pele, inchaço e pequenos hematomas, que vão desaparecendo durante as primeiras 3 semanas depois da cirurgia. No entanto, podem surgir outras complicações, como:

• Cicatriz torta, grossa, larga ou escura;
• Abertura da cicatriz;
• Endurecimento abaixo da pele;
• Sensibilidade diminuída da pele;
• Paralisação da face;
• Assimetrias na face;
• Infecção.

A cirurgia deixa cicatriz?

A cirurgia facial deixa sempre cicatrizes, porém variam com o tipo de técnica que o médico utiliza e, na maioria dos casos são pouco visíveis porque ficam cobertas pelo cabelo e no contorno das orelhas. A cicatriz vai mudando de cor, sendo que inicialmente é rosa e posteriormente torna-se semelhante à cor da pele, processo que pode demorar cerca de 1 ano.

Os resultados da cirurgia são para toda a vida?

Os resultados da cirurgia só são visíveis cerca de 1 mês após a cirurgia, porém, na maioria dos casos, a cirurgia não é para o resto da vida e, por isso, os resultados sofrem alterações ao longo dos anos, já que o lifting facial não interrompe o processo de envelhecimento, apenas diminui os sinais. Além disso, os resultados da cirurgia podem ter a interferência de alterações de peso e da exposição prolongada ao sol.